terça-feira, 23 de setembro de 2014

Dilma abre 48 pontos de vantagem no Maranhão

Posts de Miguel do Rosário
ibope_MA

O crescimento de Dilma no Maranhão, revelada por pesquisa de campo feita no último dia 19, cujo relatório foi divulgado hoje pelo Ibope, é sinal de bons ventos para a campanha da reeleição da presidenta.
O Maranhão tem 4,5 milhões de eleitores, 3% do eleitorado nacional.
Os desatentos podem achar pouco. Não é. Numa eleição apertada, é muita coisa.
Mais que isso, o quadro no Maranhão nos permite tirar duas lições fundamentais.
1) Confirma o esvaziamento de Marina Silva junto às camadas sociais e regiões mais pobres de todo país.  Não adianta ela se esgoelar dizendo que não vai acabar com Bolsa Família, que já passou fome, etc. O povo não é trouxa. Ser ex-pobre não é garantia de nada. O pobre já cansou de ver político ex-pobre lhe passar a perna depois de eleito. Ele já percebeu que Marina é a candidata dos ricos.
2) Pobre não é “governista”, como acusam alguns rancorosos, posando de analistas. Roseana Sarney, governadora do Maranhão, não deverá eleger seu sucessor.
Compare as aprovações de Roseana e Dilma.
ScreenHunter_4864 Sep. 22 15.18


ScreenHunter_4863 Sep. 22 15.18

Roseana e o candidato da situação, Lobinho, têm o apoio dos meios de comunicação local e da Globo. Mais que isso, são donos da mídia local.
Mesmo assim, Roseana tem forte desaprovação no estado, inclusive entre os pobres, e o candidato da oposição, Flavio Dino abriu uma grande diferença sobre Lobinho e deve ganhar no primeiro turno.
ScreenHunter_4867 Sep. 22 15.45

Em votos válidos, a vantagem de Dilma sobre Marina no Maranhão saltou de 39 no início de setembro para 48 pontos agora.
Dilma agora tem 70% dos votos válidos no Maranhão.
Todas as pesquisas regionais feitas nos últimos dias sinalizam substancioso crescimento de Dilma e declínio de Marina.
Paraíba, Ceará, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Minas Gerais.
Dilma está subindo em toda a parte. Marina, caindo.
Aécio apenas oscila na margem de erro.
Um dos blogueiros da Veja deu a bandeira do desespero que já começou a acometer a direita e vaticinou hoje à tarde, desconsolado, após ver a bolsa caindo, que “vem pesquisa ruim aí”.
Ele quis dizer que vem pesquisa ruim para a mídia e boa para o Brasil.
*
Entre os eleitores mais pobres do Maranhão (que não são governistas por natureza, pois não votam em Roseana), Dilma ampliou sua vantagem para incríveis 64 pontos, considerando os votos válidos.
Nesta faixa, a presidenta agora tem 78% dos votos válidos, contra 15% de Marina. No início do mês, a petista tinha 72%, contra 22% de Marina. A primeira cresceu 10%, a segundo despencou 32%.
http://www.ocafezinho.com/2014/09/22/dilma-abre-48-pontos-de-vantagem-no-maranhao/


Um comentário:

Henrique Dias disse...

Os avanços no Brasil, ao contrário do que se pensa, não são somente quanto a fome, educação, saúde. Os avanços são também na área cultural. Digo com vistas a informação e sentimento. Os pobres estão deixando de ser " massa de manobra" na política tupiniquim.